Vida íntima
Descubra qual é a geração que coloca outras prioridades à frente do sexo

Estilo de Vida

“Millennials” têm menos relações sexuais e a culpa é da carreira e da ambição.

Dom, 11/10/2020 - 19:00

De acordo com um estudo conduzido pela Lincoln University, na Nova Zelândia, as pessoas têm praticado menos sexo. Depois de acompanhar a vida de 16.000 adultos, entre os 20 e os 36 anos, os investigadores da universidade chegaram à conclusão que um em cada oito jovens da geração, designada “Millennials” (nascidos entre 1980 e 2000), não tiveram relações sexuais antes dos 26 anos. Enquanto que em gerações anteriores, era de um por cada 20 jovens. De acordo com Steve McKay, professor naquela universidade, o número poderá ser maior, uma vez que um em cada seis dos inquiridos se recusou a responder às perguntas por se tratar da sua virgindade e vida íntima.

 

Esta geração coloca outras prioridades à frente do sexo

 

Um outro estudo feito por investigadores da Universidade da Florida Atlantic, situada nos Estados Unidos da América, avança com uma explicação para o menor número de relações sexuais entre os jovens. A antropóloga Helen Fisher explica os resultados com base em dois argumentos.

 

Continue a ler este artigo aqui

Siga a Revista VIP no Instagram